Mais de 50 políticos de MS receberam doações da JBS - DOURADINA NEWS - 5 ANOS NA LIDERANÇA!

22º min
32º min



Douradina - MS, sexta-feira, 22 de setembro de 2017

Mais de 50 políticos de MS receberam doações da JBS

Lista tem nomes como do prefeito de Campo Grande e de deputados

Publicado em: 24/05/2017 às 11h24

correiodoestado

Ricardo Saud, ex-diretor da JBS, detalha planilha de financiamento de campanha eleitoral -

Mais de 50 políticos de Mato Grosso do Sul estão na lista dos 1.829 candidatos das eleições de 2014 que receberam dinheiro do grupo controlado pelos irmãos Joesley e Wesley Batista.

A relação com o nome do governador Reinaldo Azambuja (PSDB), do prefeito de Campo Grande, Marcos Trad (PSD), da senadora Simone Tebet (PMDB), outros quatro secretários estaduais, 6 deputados federais, 16 deputados estaduais, seis vereadores de Campo Grande e outros 16 nomes conhecidos no Estado foram entregues na delação premiada do diretor da J&F, Ricardo Saud.

A empresa distribuiu propinas e doações oficiais por atacado no meio político. Ao todo foram quase R$ 600 milhões de doações ilícitas. A maior parte deste dinheiro serviu para  garantir contratos com o setor público.

Na planilha divulgada pelo jornal “Estadão”, o nome de Azambuja aparece várias vezes. Ele é um dos 16 candidatos a governador que a JBS contribuiu na campanha eleitoral.

Na linha do tucano, está a referência do valor de R$ 10,5 milhões duas vezes. Em outro ponto de documentos entregues é possível detectar doações de R$ 2,5 milhões, com a palavra ‘lançado’ ao lado.