Pistoleiro é preso na fronteira e Policia espera desvendar vários casos de homicídios - DOURADINA NEWS - 5 ANOS NA LIDERANÇA!

22º min
32º min



Douradina - MS, sexta-feira, 25 de maio de 2018

Pistoleiro é preso na fronteira e Policia espera desvendar vários casos de homicídios

Publicado em: 14/03/2018 às 08h26

poranews

Pistoleiro preso acusado de matar Concejal Municipal (Vereador) na região de fronteira com o estado do Mato Grosso do Sul colabora com a policia e identifica contratatante e conta que politico foi morto a pedido de traficante brasileiro.

Segundo o pistoleiro, Carlos Armoa Escobar (27) o politico do Partido Colorado Cristobal Machado Vera, teria sido executado por ter colaborar com a SENAD (Secretaria Nacional Anti Drogas) na apreensão de uma carga de maconha, o pistoleiro manifestou ainda que teria sido contratado por um conhecido na cidade paraguaia de Pedro Juan Caballero por Marcio Sanchez, vulgo “Abacate” que teria pagado dez mil reais pela execução do edil paraguaio e que “Abacate” teria cobrado 50 mil reais de um traficante de nacionalidade brasileira cujo nome se mantem em reserva a fim de não atrapalhar as investigações que são levadas de forma conjunta com os investigadores do SIG (Setor de Investigação Geral) da Policia Civil na região de fronteira.

Escobar ainda contou detalhes do caso e durante a sua prisão ocorrida na cidade de Capitão Bado, onde foi preso na tarde de terça feira (13) por volta das 18:50hs, quando transitava a bordo de uma motocicleta.

“Abacate” segundo os investigadores da Policia Nacional do Paraguai na cidade de Pedro Juan Caballero, seria o chefe de varios pistoleiros que deverão ser preso nas proximas horas.